Nas “circovias” da Rádio Bandeirantes, quem é feito de palhaço é o ouvinte

A Rádio Bandeirantes vem fazendo uma campanha difamatória das ciclovias da cidade de São Paulo. Num quadro batizado com o infeliz nome de “circovia”, pedem para ouvintes enviarem fotos de ciclovias com “problemas”. Posteriormente, vão ao local e fazem matérias rasas, focadas em questões pontuais como desníveis ou buracos da rua, desgaste da tinta ou críticas de moradores ou comerciantes que “perderam o direito de estacionar”.

Os motivos desta difamação sistemática não são claros. Talvez seja uma questão mercadológica, com adoção de linha editorial sensacionalista para manter a decrescente audiência; talvez, com intuito político, tendo por alvo o atual prefeito, a quem as ciclovias são associadas. No entanto, seja por razões de mercado, seja para fazer ataques políticos indiretos, os responsáveis acabam por atingir diretamente o cidadão paulistano, ao promover desinformação e fomentar uma visão tacanha e ultrapassada do uso espaço urbano.

Ignoram que as medidas de humanização do trânsito recentemente adotadas – dentre elas, a criação de ciclovias – resultaram no espantoso crescimento do número de ciclistas (66% em um ano) e na redução dos acidentes fatais envolvendo bicicletas (queda de 34%, em valores absolutos).

Distorcem, ao focarem no discurso de quem não usa bicicletas e, mais do que apontar problemas nas ciclovias, enxerga a ciclovia como um problema em si, por não aceitar medidas que levam à democratização da mobilidade e do espaço urbano.

Desinformam, ainda, ao omitir que a dimensão dos problemas apresentados é ínfima diante do tamanho da malha cicloviária, querendo passar a impressão de que há caos generalizado na implantação das ciclovias paulistanas.

Por fim, reforçam essa ideia completamente equivocada ao usarem o nome “circovia”, como se tudo fosse feito de modo mambembe. Fica claro, na verdade, que a Rádio Bandeirantes é que é um grande picadeiro, ao fazer malabarismo com a informação, contorcionismo com os fatos e os ouvintes-cidadãos de grandes palhaços.

Em reação a esta propaganda detratora, ciclistas iniciaram uma contra-campanha e pedem para que sejam enviadas à rádio fotos das ciclovias que em geral não aparecem: aquelas fotografadas pelos maiores interessados no assunto, os próprios ciclistas.

O Bike Zona Oeste apoia a iniciativa e divulga o número do whatsapp da Rádio Bandeirantes: + 55 11 99904 8756 . Enviem fotos das ciclovias que vocês usam, que tornam sua pedalada mais tranquila e segura, que têm ajudado a salvar vidas.

Registramos também a nossa solidariedade com os apresentadores e funcionários da Rádio que discordam desta linha editorial sensacionalista, mas são obrigados a acatá-la.

13327374_10205158174714478_7128289177680933207_n

Anúncios